Luxúria e iconografia na escultura românica portuguesa.

  • Joaquim Luís Costa Centro de Estudos do Românico e do Território 4620-130, Lousada, Portugal, joaquim.costa@valsousa.pt
Palavras-chave: Arte românica; Escultura erótica; Luxúria; Iconografia; Portugal

Resumo

A luxúria na iconografia românica portuguesa – enquanto sinónimo de erotismo –,  tem sido pouco abordada no panorama científico nacional. O presente artigo procura contribuir para este debate, analisando diversas áreas simbólicas e temáticas que podemos encontrar no bestiário medieval, na Bíblia, ou nas representações do ser humano e do mundo animal. A investigação levou-nos à conclusão de que a luxúria se encontra presente de norte a sul do país, apesar de ter maior incidência no norte, estando especialmente centrada na temática das sereias e onde se destaca o Mosteiro de Travanca por funcionar como polo irradiador, apresentando uma representação sexual algo contida.

 

Referências bibliográficas

Fontes impressas

A BÍBLIA Sagrada. Lisboa: Paulus Editora, 2009.

 

Estudos

ALMEIDA, Carlos Aberto Ferreira de – História da arte em Portugal: o românico. Lisboa: Publicações Alfa, 1986.

– História da arte em Portugal: o românico. Lisboa: Editorial Presença, 2001.
– "Primeiras impressões sobre a arquitectura românica portuguesa". in Revista da Faculdade de Letras: História. Porto: Universidade do Porto / Faculdade de Letras. Série I, vol. 2 (1971), pp. 65-116.

ALVES, Lourenço – "Igrejas e Capelas românicas da Ribeira Lima". in Caminiana. Nº 7, ano IV (1982), pp. 47-118.

AZEVEDO, Cândido de – Igreja românica de Sernancelhe. Sernancelhe: Câmara Municipal de Sernancelhe, 2012.

BARREIRA, Catarina Alexandra Martins Fernandes – Gárgulas: representações do feio e do grotesco no contexto português: séculos XIII a XVI [Em linha]. Lisboa: Universidade de Lisboa – Faculdade de Belas Artes, 2010. Tese de doutoramento em Belas Artes. [Consultado a 08.11.2013]. Disponível em: http://repositorio.ul.pt/handle/10451/2590.

BOTELHO, Maria Leonor - A historiografia da arquitectura da época românica em Portugal: 1870-2010. Lisboa: FCG/FCT, 2013.

– "Mosteiro de Roriz". in NUÑO GONZÁLEZ, Jaime (coord.) – Arte românica em Portugal. Madrid: Fundación Santa María La Real, 2010, pp. 245-256.
– "Mosteiro de São Salvador de Bravães". in NUÑO GONZÁLEZ, Jaime (coord.) – Arte românica em Portugal. Madrid: Fundación Santa María La Real, 2010, pp. 183-198.

CAMILLE, Michael – Images dans les marges: aux limites de l'art médiéval. Paris: Gallimard, 1997.

FERNANDES, Paulo Almeida – "A escultura românica em Portugal: construções historiográficas e desafios actuais"in COLÓQUIO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA DE ARTE – A escultura em Portugal da Idade Média ao início da Idade Contemporânea: história e património. Lisboa: Fundação das Casas da Fronteira e de Alorna, 2009, pp. 25-54.

– "Iconografia do apocalipse: uma nova leitura do portal ocidental da Sé de Lisboa". in Estudos Património. Lisboa: IPPAR. Nº 7 (2004), pp. 93-101.

GRAF, Gerhard – Portugal Roman. Vol. I. Yonne: Zodiaque, 1986.

IGESPAR – "Igreja matriz de Alcácer do Sal" [Em linha]. Lisboa: Igespar. [Consultado a 19.06.2014]. Disponível em: http://www.igespar.pt/pt/patrimonio/pesquisa/geral/patrimonioimovel/detail/74821/.

LEÓN GÓMEZ, Carmelo – "Rutas por el Románico de la comarca: el románico erótico". in Arevagos [Em linha]. El Burgo de Osma: Aprodebur, 2005 - 2010. Nº 40 (2010) [Consultado a 08.11.2013]. Disponível em: http://www.islabahia.com/aprodebur/Arevacos/40_enero2010/40romanico.htm.

LIMA, Alexandra Cerveira Pinto S. (coord.) – Terras do Côa: da Malcata ao Reboredo [Em linha]. Guarda: Estrela-Côa, 1998. [Consultado a 09.10.2013]. Disponível em: http://www.arte-coa.pt/Ficheiros/Bibliografia/1686/1686.pt.pdf.

LOIS GARCÍA, Xosé – Simbologia do românico de Amarante. Amarante: Edições do Tâmega, 1990.

LOPES, Hugo – "Os mosteiros medievais como edifícios de saber: A conquista do território pela implantação de conhecimento desde o século X ao século XII – O caso português como ilustração paradigmática". in Millenium: Revista do ISPV [Em linha]. Ano 8, nº 27 (Abr. 2003), pp. 138-194. [Consultado a 08.11.2013]. Disponível em http://www.ipv.pt/millenium/Millenium27/20.htm.

LOPES, Roger Teixeira – Carrazeda de Ansiães: património artístico. Mirandela: João Azevedo Editor, 1996.

MARQUES, Marisa Costa – "O mundo do fantástico na arte românica e gótica em Portugal: o género diplomático ‘notícia’ na documentação medieval portuguesa (séculos X-XIII). Dissertação de mestrado em História da Arte, apresentada à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa em Julho de 2007". in Medievalista [Em linha]. Nº 8 (Jul. de 2010). [Consultado a 08.11.2013]. Disponível em http://www2.fcsh.unl.pt/iem/medievalista/MEDIEVALISTA8\marques8013.html.

MARTÍN JIMÉNEZ, Carlos M. – Las mejores rutas por el románico de Palencia. Palencia: Deputación de Palencia, 2008.

MARTINS, Fausto Sanches – "As imagens das nossas igrejas". in CONGRESSO SOBRE A DIOCESE DO PORTO, I, 2002 - Tempos e lugares de memória: actas. Porto/Arouca: UC/FLUP, 2002. Vol.I, pp. 211-221.

MATTOSO, José (dir.) – XVII Exposição Europeia de Arte, Ciência e Cultura: Os Descobrimentos Portugueses e a Europa do Renascimento. Convento da Madre de Deus: Os Antecedentes Medievais dos Descobrimento. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1983.

– "O corpo, a saúde e a doença". in MATTOSO, José (dir.) – História da vida privada em Portugal: a Idade Média. Vol. I. Lisboa: Temas e Debates, 2011, pp. 348-374.

NOÉ, Paula – "Capela de Santo Abdão". in Monumentos.pt [Em linha]. Sacavém: IHRU, 1992. [Consultado a 08.11.2013]. Disponível em: http://www.monumentos.pt/Site/APP_PagesUser/SIPA.aspx?id=2106.

NUÑO, Jaime – "Erotismo medieval: sexo y arte románico". in Agenda de Reflexion  [Em linha]. Nº 794 (Mar. 2012). [Consultado a 10.12.2013]. Disponível em: http://www.agendadereflexion.com.ar/2012/03/20/794-erotismo medieval-sexo-y-arte-romanico/.

OLIVEIRA, A. de Sousa – "Temas psicomáquicos na escultura românica decorativa". in Lucerna. Vol. V (1966), pp. 655-663.

OLIVEIRA, António Resende de – "A sexualidade". in MATTOSO, José (dir.) – História da vida privada em Portugal: a Idade Média. Vol. I. Lisboa: Temas e Debates, 2011, pp. 324-347.

PACAUT, Marcel – "A Europa românica ou o tempo das primeiras sementeiras". In
GRIMAL, Pierre et al. – História geral da Europa. Vol. 1. Mem Martins: Publicações Europa-América, 1996, pp. 355-440.

REAL, Manuel Luís – "La sculpture figurative dans l'art roman du Portugal". in GRAF, Gerhard - Portugal Roman. Vol. I. Yonne: Zodiaque, 1986, pp. 33-75.

RÉAU, Louis – Iconografía del arte cristiano: introducción general. Vol. 3. Barcelona: Ediciones del Serbal, 2008.

– Iconografía del arte cristiano: iconografía de la Biblia: Nuevo Testamento. Barcelona: Ediciones del Serbal, 2008.

RODRIGUES, Jorge – "A escultura românica". in PEREIRA, Paulo – História da arte portuguesa. Vol. 1. Lisboa: Círculo de Leitores, 1995, pp. 264-331.

– Galilea, Locus e Memória: panteões, estruturas funerárias e espaços religiosos associados em Portugal… Lisboa: Universidade Nova de Lisboa, Tese de doutoramento em História da Arte, 2011.
– "O mundo românico: século XI-XIII". in PEREIRA, Paulo – História da arte portuguesa. Vol. 2. Lisboa: Círculo de Leitores, 1995, pp. 9-157.

ROSAS, Lúcia – "A análise crítica". in SANTOS, Maria José Ferreira dos (coord.) – Igreja de S. Pedro de Abragão: redescobrir um templo românico. Penafiel: Museu Municipal de Penafiel, 2008, pp. 23-33.
– "Igreja de São Tiago de Adeganha". in NUÑO GONZÁLEZ, Jaime – Arte românica em Portugal. Madrid: Fundación Santa María La Real, 2010, pp. 285-296.

ROSAS, Lúcia (coord.) – Românico do Vale do Sousa. Lousada: VALSOUSA, 2008.

ROSAS, Lúcia; BOTELHO, Leonor; RESENDE, Nuno – Rota do Românico. Vol. II. Lousada: Centro de Estudos do Românico e do Território, 2014.

ROTA DO ROMÂNICO – “Igreja de Santa Maria Maior de Tarouquela”. in Rota do Românico [Em linha]. Lousada: Rota do Românico, 2013. [Consultado a 10.12.2013]. Disponível em: http://www.rotadoromanico.com/vPT/Monumentos.

SERNA, Andrés – El romanico erotico: lujuria en los templos cristianos [Em linha]. S.l.: s.n., 2012. [Consultado a 11.12.2013]. Disponível em: http://elcorreodelasmatas.blogspot.com.es/2012/12/el-romanico-erotico-lujuria-en-los.html.

SERRANO, Ferran Salgado – "La colegiata de San pedro de Cervatos". in Revista Arqueología, historia y viajes sobre el mundo medieval. Nº 44 (2012), pp. 52-61.

SILVA, João Ribeiro da – "Elementos românicos da Igreja de Rosém". in MARCO HISTÓRICO E CULTURAL – Atas de eventos marcoenses: 1988-1998. Marco de Canaveses: Câmara Municipal do Marco de Canaveses, 1998, pp. 151-156.

SOUSA, Luís Correia de – "Iconografia musical na escultura Românica em Portugal". in Medievalista [Em linha]. Nº 1, ano 1 (2005). [Consultado a 11.12.2013]. Disponível em: http://www2.fcsh.unl.pt/iem/medievalista/MEDIEVALISTA1/medievalista-iconografia.htm.

SOUZA, Armênia Maria – "A realeza cristã ibérica no Espelho dos reis de frei Álvaro Pais (séc. XIV)". in Dimensões. Vol. 26 (2011), pp. 189-215.

VALLE, Carlos – Revista de Etnografia, Tradições Populares de Vila Nova de Gaia. Porto: Junta Distrital do Porto, 1965.

VASCONCELOS, Joaquim; ABREU, Marques – Arte românica em Portugal. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1919.

VERMEERSCH, Paula Ferreira – "Considerações sobre representações fantásticas em capitéis românicos". in Unicamp - Instituto de Estudos da Linguagem [Em linha]. (1998). [Consultado a 22.12.2013]. Disponível em: http://www.unicamp.br/iel/site/alunos/publicacoes/textos/c00016.htm.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2015-01-01
Como Citar
Costa, J. L. (2015). Luxúria e iconografia na escultura românica portuguesa. Medievalista, 1(17). https://doi.org/10.4000/medievalista.1489
Secção
Artigos